Barbas, Bigodes e Cabelos – De acordo com o seu rosto

Tendências de barbas, bigodes e cabelos para cada formato de rosto e a única linha livre de óleos que protege o seu rosto.

 

Tópicos:

– Barbas e formatos de rosto;

– Estilos de bigode;

– Linha Eco Barba e Cabelo (protege a pele; a única livre óleos).

 

BARBAS, CABELOS E OS FORMATOS DE ROSTO

A ideia é você se sentir bem e usar o estilo que quiser. Neste tópico mostraremos os tipos de barba e cabelo mais usados e quais deles realçam ou ajustam cada formato de rosto.

 

Como reconhecer o formato do rosto:

A maneira mais fácil de se ter certeza é analisar uma foto que pegou, de forma reta, a frente do seu rosto. Com algum aplicativo de edição (ou o próprio Instagram), contorne seu rosto com a caneta digital e compare com a imagem a seguir.

  • Rostos Redondos: a altura e a largura do rosto possuem medidas similares.

 

  • Rostos Retangulares: o comprimento do rosto é mais avantajado em relação à largura.

 

  • Rostos Quadrados: possui medidas semelhantes ao formato redondo. A diferença fica no maxilar, que é bem destacado.

 

  • Rostos Triangulares: o formato do rosto lembra um triângulo invertido (com a ponta para baixo), por isso seu formato se fecha do começo da mandíbula até o queixo.

 

  • Rostos Ovais: o comprimento é maior que a largura, sendo a mandíbula arredondada a sua característica marcante.

 

 

 

Para rostos Redondos:

CABELOS:

  • High Fade: é um topete bem alto, que pode ou não ser divido por uma risca lateral.

O que o destaca é o degradê lateral, que afina os rostos redondos.

 

  • Flat Top: especificamente para cabelos crespos, este corte estende a altura do rosto, o que equilibra o seu formato.

A parte de cima pode ser reta ou levemente arredondada, e o seu contorno é circular.

As laterais da cabeça são raspadas.

 

  • Dreads com franja lateral: o cabelo é todo elevado, e as pontas dos dreads são jogadas para o lado.

Na parte da frente, uma franja, a qual se encaixa muito bem em rostos arredondados, cai sobre a altura de um dos olhos.

 

BARBAS:

  • Short Boxed: é um bom estilo para manter o formato arredondado das bochechas e alongar o queixo.

Seu volume é mediano e se encontra com as costeletas, que se ajustam gradualmente ao tamanho da barba.

Na parte de cima, o corte é reto das laterais até queixo, o que direciona a atenção para a parte de baixo, onde o volume é maior.

O bigode também é cortado de forma reta e acompanha o volume da parte de cima da barba (mediano).

 

  • Van Dyke: inspirado no pintor belga Anthony Van Dyke, neste estilo ficam apenas o bigode e a barbicha.

Eles não se unem, mas se mantêm harmonizados, o que dá o aspecto de um cavanhaque.

O volume e o comprimento são questões de gosto. Se for menor na parte do queixo, o formato arrendado terá mais destaque.

 

Fica à escolha o tamanho do bigode; com as pontas mais ou menos avantajadas.

 

  • Barba Balbo: o bigode fica no formato de meia lua, virado para baixo e, assim como o Van Dyke, não se conecta com o restante da barba.

Com este estilo, a mandíbula e o queixo ganham mais comprimento, e a bochecha fica livre de qualquer volume.

Seu diferencial fica no contorno do rosto, onde os pelos saem do começo da mandíbula (abaixo de onde ficariam as costeletas), e se conectam com os do queixo.

Esse contorno alonga a mandíbula e dá o efeito de um rosto retangular.

 

Para rostos Retangulares:

CABELOS:

  • Side Swept: este corte equilibra o rosto retangular por ter laterais com um volume médio.

A altura do cabelo é bem pequena, o que não alonga o rosto retangular, que já possui esta característica.

 

  • Ondas Bagunçadas: não tem muito segredo; o cabelo fica em um tamanho médio, ou maior, e suas laterais são um pouco mais baixas.

As ondulações são jogadas para trás, ou para um dos lados.

 

  • Shoulder Length: é uma boa escolha para realçar o comprimento avantajado do rosto retangular.

O cabelo deve estar na altura do pescoço, ou na dos ombros, e com bastante volume.

A franja longa se junta com uma das laterais, essa que pode ficar para baixo, ou para trás.

 

BARBAS:

  • Mutton Chops: é um dos estilos mais emblemáticos do cinema, por ser utilizado pelo personagem Wolverine.

A ideia é conectar as costeletas à barba da bochecha, para que o seu volume se adeque ao comprimento avantajado da mandíbula.

O queixo fica livre, e o bigode pode ou não entrar neste estilo, e pode muito bem se conectar com as laterais; o que forma uma “ponte”.

 

  • Barba Tradicional: é um coringa entre os estilos, mas possui uma estrutura adequada para rostos retangulares.

Ela dá às bochechas uma impressão de preenchimento, o que acentua o comprimento do queixo e a largura das bochechas.

Rala ou média, o interessante é deixá-la com uma aparência oval e com o mesmo volume em todo o rosto.

 

  • Faixa no queixo: é uma barba discreta, que exibe um desenho que vai de uma costeleta à outra, seguindo o contorno da mandíbula.

Este corte realça o formato retangular e dá a leve impressão de um rosto quadrado nas laterais; o que equilibra comprimento e largura.

 

Para rostos Quadrados:

CABELOS:

  • Ive League: é um clássico corte para o formato quadrado, por ter as laterais bem curtas e o topo arredondado e com pouco volume.

Este volume controlado equilibra, de forma leve, a atenção do queixo destacado com a cabeça.

 

  • Afro Curto: é o começo de um Black Power. As laterais possuem o mesmo volume que o topo, e juntos são bem arredondados.

É um corte que se encaixa no formato retangular de forma mais equilibrada, por ter um volume mediano.

 

  • Hard Parting sem risca: o volume deste corte se divide em duas partes.

Na lateral de onde ficaria a risca, o volume é mediano. A parte de cima possui um volume maior e se junta com a outra lateral.

 

BARBAS:

  • Cavanhaque Estendido: a diferença deste para um cavanhaque comum está na presença da barba na lateral do rosto e de seu tamanho na parte do queixo.

Seu estilo triangular alonga o rosto quadrado, mas mantém a robustez das laterais, enquanto o bigode equilibra a atenção para a parte de cima.

 

  • Barba Quadrada: um corte que destaca o formato quadrado do rosto e sobressai o queixo.

O foco está em todo o contorno reto da barba, que se enfatiza cada vez mais de acordo com o seu volume.

 

  • Ducktail Degradê: tem ficado famoso devido as séries sobre vikings.

O degradê moderniza o corte e o suaviza para ser usado em rostos quadrados, pois a barba fica mais rala nas laterais e aumenta até o queixo.

Devido a esse prolongamento contínuo, é no queixo onde aparece o “rabo de pato” (em tradução livre), este que é usado em formato “V” ou “U”.

 

Para rostos Triangulares:

CABELOS:

  • Franja que cobre a testa: é muito usado para diminuir o alongamento do rosto triangular.

O cabelo é todo caído para baixo e possui mechas bem longas.

A franja cobre metade ou toda a testa.

 

  • Long Sweep: é um penteado todo para trás. As laterais e o topo possuem o mesmo tamanho.

É usado de forma menos volumosa (quase colado na cabeça) ou com um pouco mais de volume na parte de cima.

 

  • Coque Samurai: parte do cabelo comprido fica preso e um coque na parte de cima da cabeça.

As laterais são penteadas para trás, ficam presas junto ao restante do cabelo.

 

 

 

BARBAS:

  • Cavanhaque: serve tanto para destacar ainda mais o formato triangular ou arredondá-lo; depende do seu estilo.

Com a barba preenchendo todo o queixo, mais cheia e arredondada, o rosto fica menos afunilado.

E para destacar o formato triangular, o corte é com menos volume e mais concentrado na ponta do queixo.

O tamanho do bigode depende do modelo da barba de baixo.

 

  • Cheeky Beard: o foco desta barba é o leve realce e equilíbrio ao rosto triangular.

É quase uma barba normal. A diferença é o corte cerrado do começo da mandíbula até o meio, onde possui um volume médio.

As maçãs do rosto se destacam devido ao desenho da barba à sua volta; o que dá equilíbrio a esse formato de rosto.

 

  • Bandholz: é uma das que mais exige paciência. A barba deve crescer, por cerca de 4 meses, tanto para baixo, quanto para as laterais.

Apesar de esconder a maior parte do rosto, são as maçãs, característica marcante do rosto triangular, que ganham destaque.

O bigode acompanha o crescimento e pode muito bem se sobressair para os lados.

Quanto ao corte, fica à escolha do dono; o importante é o volume.

Este estilo também se dá muito bem com os rostos com formato oval.

 

 

Para rostos Ovais:

CABELOS:

  • Pompadour Comb Over: é um topete com volume médio, que pode ser penteado para trás ou para o lado.

Sua lateral pode ser raspada ou ter um volume menor que o topete.

 

  • Cachos e Undercut: os cachos ficam com bastante volume na parte de cima, e a lateral com um efeito degrade, ou apenas raspada.

 

  • Comb Over e Franja: é muito usado em cabelos ondulados, por ter um bom caimento para a franja.

O topete é bastante elevado e quebrado para formar a franja.

As laterais acompanham o volume da parte de cima e são jogadas para trás.

 

BARBAS:

  • Short Boxed Beard: pode ser considerada uma barba cheia (Full Beard) de tamanho mediano.

Seu contorno é reto na parte de cima e na de baixo, o que define o desenho da costeleta e do contorno de todo o rosto com linhas.

Essas linhas delimitam as maçãs e bochechas, que as deixam livres de pelos e dão ao rosto um formato mais rígido e quadrado.

 

  • Garibald: a Garibald pode ser considerada uma evolução de tamanho do estilo acima.

Possui um grande volume e o contorno das bochechas e maçãs é arredondado (diferente da linha reta da Short Boxed Beard).

Os pelos crescem em volta de todo o rosto, o que se encaixa perfeitamente com o formato oval, por acompanhar e realçar todas as suas características.

O bigode pode ou não se conectar com a parte do queixo. Em algumas versões ele se expande para os lados.

 

  • Barba Cerrada: esta serve para enfatizar o formato marcante do rosto oval.

As laterais dão uma leve impressão de volume às bochechas e podem, ou não, se conectarem com as costeletas.

Caso se conectem, o rosto ficará mais fino.

 

Estilos de Bigode

  • Handlebar: possui as pontas enroladas, o que faz lembrar um guidão de bicicleta.

Ter pelos mais grossos facilita a formação deste estilo, o qual se define com a ajuda de uma cera específica.

Uma barba rala é um bom acompanhamento.

 

  • Pincel: fica a dúvida se realmente parece um pincel de pedreiro, mas foi este o motivo para o nome.

Clássico, seus cantos são arredondados e cobrem totalmente o lábio superior, não avançando as suas delimitações.

 

  • Chevron: muito parecido com o Pincel, sendo que a única diferença fica na delimitação do lábio superior, que a ultrapassa.

Sendo assim, suas pontas arredondadas acompanham as laterais da boca e param na linha dos lábios inferiores.

 

  • Bigode Mexicano: é fino e seu contorno é reto. Acompanha a linha do lábio superior e suas pontas são um pouco arredondadas.

Ele ultrapassa o lábio inferior e para na altura do queixo, o que o faz se parecer com o começo de um cavanhaque.

 

  • Abajur: é pequeno e mais fácil de cuidar. Seu desenho é reto e direcionado para baixo; o contorno sai da altura da ponta do nariz e para na limitação do lábio superior.

Isso vale para os dois lados, pois o seu diferencial é a falta de pelo na parte de cima do meio do lábio superior (a pequena cavidade).

 

  • Pirâmide: o desenho deste bigode é muito parecido com o contorno do Abajur (anterior); a diferença é que ele sai precisamente das narinas.

Suas pontas são bem finas, e passam como uma linha reta acima do lábio superior. É, de fato, uma pirâmide.

 

LINHA ECO BARBA E CABELO

(A Girass não testa seus produtos em animais)

Agora que você descobriu opções específicas para o seu formato de rosto, vamos para os cuidados!

Os nutrientes e ativos da linha Eco Girass são suficientemente preparados para hidratar e evitar irritações no pós-barba; ou seja, apenas o essencial para a saúde e para a beleza.

 

O diferencial: é a única linha para barba livre de óleos. Isso garante uma barba bem alinhada e mais proteção para a sua pele.

 

  • O Eco Shampoo Barba e Cabelo não é apenas para ser prático, mas também para refrescar, hidratar e auxiliar no crescimento saudável da barba e do cabelo.

pH Neutro: o que mantém a saúde da sua pele e do seu couro cabeludo.

 

  • Já o Eco Serum é um finalizador para Barba e Bigode que dá brilho, maciez e brilho. Pode ser usado diariamente após a lavagem, e, diferente do óleo, necessita de menos quantidade para garantir todo o seu poder de nutrição e de proteção.

 

 

  • Se a sua pele fica oleosa no após o barbear, experimente o Eco Gel para Barbear. Como todo gel para barbear, ele não deixa a pele oleosa.

Porém, na linha Eco Girass, o frescor é diferenciado, e a prevenção contra a irritação é garantida.

Lembrando: o seu rosto é único! Use a barba, cabelo e bigode que lhe fazem se sentir bem, ok? Tenha um ótimo tratamento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *